O que é puerpério na gravidez? Descubra os sintomas, cuidados e mais!


Em 30 de abril de 2020 • Gravidez
o-que-e-puerperio-na-gravidez

A gestação e o período pós-parto são umas das fases mais significativas na vida das mulheres. As novidades são muitas e para que tudo ocorra bem, é importante buscar informações relacionadas à saúde e ao bem-estar. Falando nisso, você sabe o que é puerpério na gravidez?

De forma resumida, é a fase após o nascimento do bebê, também chamada de resguardo ou quarentena. Ela é repleta de mudanças e mais outros sintomas do puerpério, que, apesar de comuns, demandam cuidados. 

Para ajudar você a entender melhor esse momento e saber lidar com ele, preparamos este artigo sobre o que é puerpério na gravidez. Boa leitura!

Afinal, o que é puerpério na gravidez?

O puerpério é a fase que se inicia logo após o nascimento do bebê e dura cerca de 4 ou 8 semanas. O momento final é evidenciado pela chegada da menstruação, o que significa que a mulher voltou a ovular. 

Assim, com a volta da capacidade reprodutiva, é indicado usar métodos contraceptivos – se não for do desejo uma nova gravidez. Outro ponto importante é a atenção para as mudanças corporais e psicológicas, naturais do período pós-gestação, que a família precisa ficar bastante atenta.

Então, é importante prestar muita atenção nos sintomas do puerpério para que essa fase não se torne uma grande complicação para os envolvidos, principalmente a mamãe e o bebê.

O que acontece com o corpo nessa fase?

Muitas mulheres ainda têm dúvida de o que é puerpério na gravidez e as mudanças que essa condição causa. De fato, as alterações corporais são muitas e variam conforme a fase do puerpério em que a mulher se encontra. Observe algumas:

Alteração dos níveis hormonais

Há queda do hormônio HCG (exclusivo da gestação), da progesterona e do estrógeno. A prolactina, por sua vez, aumenta. Isso resulta em maior sensação de cansaço, mau humor e libido baixa.

Produção de leite

Na verdade, o primeiro a ser produzido é o colostro, um líquido amarelo que precede o leite. Ele dura cerca de 3 dias. É normal, no começo, a mulher sentir desconforto com a amamentação, mas isso tende a sumir com o passar do tempo. Em alguns casos, é possível usar pomadas cicatrizantes, desde que haja indicação médica.

Sangramento vaginal

Após a saída da placenta, o útero entra no processo de cicatrização, para voltar ao tamanho de origem. Isso costuma produzir sangramentos e secreções, que duram cerca 2 ou 3 semanas. Esse efeito não é chamado de menstruação, mas sim de loquiação

Alteração na aparência do abdômen 

Nas primeiras semanas, o útero ainda está trabalhando para voltar ao tamanho normal. Isso reflete em uma aparência de inchaço e flacidez. Algumas mulheres chegam a ter a diástase, separação dos músculos abdominais. A situação pode ser revertida com exercícios físicos, mas apenas após a permissão do médico.

Quais os cuidados importantes?

Há alguns cuidados a serem tomados nesse período e eles se resumem nos seguintes.

Saúde física

Algumas horas após o parto, é importante fazer leves caminhadas, mesmo que dentro do hospital. Isso evita a trombose, condição perigosa, que deriva da formação de coágulo sanguíneo e pode levar à embolia, gerando lesões graves ou morte.

No caso de uma cesárea, haverá uma cicatriz a ser tratada. Nos primeiros dias, é importante ter cuidado com o esforço, mesmo em atividades rotineiras, como ao se levantar. Os pontos são retirados após 1 semana, e a cicatrização completa demora cerca de 2 meses, a depender do organismo.

Uma recomendação médica usual é evitar relações sexuais por 40 dias, até que o útero já esteja cicatrizado, para afastar infecções.

Emoções

Com as emoções à flor da pele e os hormônios alterados, algumas mulheres desenvolvem o baby blues ou a depressão pós-parto. A diferença entre um e outro é que o primeiro é uma tristeza mais leve, mas ambos devem ser motivos de atenção e relatados a um ginecologista ou psiquiatra, para que analise o caso e conduza o melhor tratamento.

Leia também: Alimentos para uma gravidez saudável: descubra quais são as melhores escolhas

Entendeu o que é puerpério na gravidez e como ele afeta as mulheres?

Como você viu, entender o que é puerpério na gravidez e todas as mudanças trazidas por ele é importante, pois assim é possível se preparar, de modo a curtir o momento com mais tranquilidade. Na dúvida sobre algum sintoma, não deixe de comunicá-lo ao médico, para que você evite problemas sérios mais tarde.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira esse vídeo bem legal que separamos:

Puerpério – As primeiras semanas do pós parto. Fonte: Canal Almanaque dos Pais.

Gostou do conteúdo sobre o que é puerpério na gravidez? Compartilhe-o nas redes sociais, pois essas informações interessarão outras mulheres também!

Sobre a OnDoctor

A OnDoctor é uma plataforma de Telemedicina que disponibiliza orientações de saúde por videoconferência. Nossa missão é conectar os melhores profissionais da saúde com pacientes de qualquer lugar do Brasil com segurança e qualidade.